Cana afetada pela broca interfere na qualidade do açúcar

brocaQual é o impacto desta matéria-prima que não apresenta conformidade ideal na indústria? Ela apresenta características de uma cana verde com menor pureza, maior teor de AR, além de um alto teor de ácido aconítico, o qual tem forte correlação com o potássio do solo em áreas de fertirrigação com vinhaça.

Suas consequências no processo de tratamento do caldo serão o aumento no consumo de cal no processo de clarificação para atingir o pH desejado devido ao alto teor de ácido aconítico no caldo.

Este excesso de cal vai fazer com que ocorra um aumento do teor de cinzas no produto final açúcar e um aumento das incrustações nos evaporadores.
Todos esses produtos estarão concentrados no mel final que irá compor o mosto. Portanto, na fermentação pode-se ter inibição da levedura pelo excesso de potássio e pela maior quantidade de ácidos orgânicos.

O excesso de cal usado no tratamento do caldo pode aumentar a probabilidade de ocorrência de floculação da levedura. É fundamental que os gestores industriais se preparem, pois a próxima cana que irão cortar é a cana em que se aplicou maturadores, que tem período certo para ser colhida.

Assim, não devem passar deste tempo porque senão comprometerão a qualidade da matéria-prima.

 

Leia matéria completa na edição 267 do JornalCana

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *