Carolo vai iniciar safra com levedura própria altamente produtiva

Levedura “selvagem” foi selecionada no processo da Usina Carolo e, entre outras vantagens, apresenta uma das mais altas taxas de conversão de ART em etanol do Brasil

Carolo“É uma grata surpresa encontrar no próprio processo da Carolo, entre as leveduras consideradas ‘selvagens’, uma levedura altamente produtiva, rápida na multiplicação e com tendência de predominância”, comemora Ramiro David, gerente industrial da Usina Carolo, localizada em Pontal, SP.
Em apenas dois meses do projeto de seleção de leveduras, realizado no final da safra 2015/16, foram identificadas pelo menos 3 cepas altamente produtivas no processo da Carolo, sendo uma com teor alcoólico superior em 2% à da super cepa MSB padrão para processo semelhante ao da Carolo.
Para dar partida na safra 2016/17 foi escolhida uma cepa que apresenta uma maior Taxa de Multiplicação (0,334 – fator que significa ângulo do μ max), o segundo maior teor alcoólico produzido com mesmo ART, e a maior massa seca (0,6986 gramas de levedura seca em 100 gramas de fermentação padrão).
“Para superar as dificuldades econômicas, nosso foco tem sido otimizar a produção, adotando soluções para extrair o máximo da matéria-prima que entra na indústria. Considerando que as leveduras são o coração da fermentação, decidimos investir num processo de seleção e reinjeção de leveduras mais produtivas e adequadas ao nosso processo durante toda a safra”, esclarece João Guilherme Carolo, diretor da Usina.
A seleção realizada pela Carolo representa uma tendência de mudança no conceito difundido no setor de que fazer seleção de levedura é apenas identificar, através de cariotipagem ou genotipagem, quais leveduras estão presentes na usina em determinado momento da safra. “O trabalho da MSBIO foca no perfil produtivo das leveduras, selecionando as mais recentes e mais produtivas para reinjetá-las no processo da usina visando obter e manter altos índices na fermentação durante toda a safra”, esclarece Teresa Cristina Vieira Viana, diretora técnica da MSBIO, empresa responsável pela seleção das leveduras na Carolo.
O foco da MSBIO é gerar resultados e não apenas estudos acadêmicos”, completa Josias Messias, presidente do Pró-Usinas, portfólio de soluções para o setor do qual a MSBIO faz parte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *