A Estrela da Produção de Etanol

bomba etanolA melhoria no preço do etanol, safras mais chuvosas e mudanças significativas no ambiente de produção, especialmente na qualidade da matéria-prima, têm feito com que usinas e grupos produtores voltem o foco para o processo de fermentação. A percepção é de que vale a pena investir no aumento do rendimento fermentativo pois este representa ganhos econômicos diretos para a usina.

O entendimento de que a fermentação é o coração da produção de etanol já é antiga, a diferença agora é a consciência de que esta área experimenta um momento de profunda mudança, tanto na readoção de práticas básicas e eficazes que acabaram sendo abandonadas, quanto na adoção de novas técnicas e metodologias desenvolvidas exatamente para fazer frente as diversas mudanças no ambiente de produção.

Marcos Henrique Clemente, diretor industrial da Cachol

Para Marcos Henrique Clemente, diretor industrial da Cachol – Destilaria Liberdade, de Escada (PE), a fermentação precisa de uma atenção geral, pois sofre influência de muitos fatores externos como matéria-prima e contaminantes diversos.

Determinar estes pontos e os procedimentos para sua gestão fazem uma grande diferença nos resultados da empresa. “O monitoramento e controle de pontos críticos de controle é vital para um bom desempenho na fermentação. Medir, controlar e agir nestes pontos darão com certeza uma maior lucratividade para a empresa e mais tranquilidade aos envolvidos”, afirma.
Devido às oportunidades de ganhos encontradas ao longo de todo o processo na fermentação, é crescente o número de usinas que estão reconsiderando seus parâmetros e procedimentos de fermentação, incluindo algumas consideradas benchmarking na área.

Leia a matéria completa na edição 265 do JornalCana

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *